Pular para o conteúdo principal

#59 - Corrida do Dia Internacional da Mulher

Depois de 5 meses, provinha. E foi longe...

Por conta do doutorado, tive que vir passar um tempo em Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Aproveitando a estada, por uma feliz coincidência, uma prova estava com inscrições abertas exatamente no meu primeiro final de semana na cidade. Distâncias de 3km e 5km ao custo de 46 reais com cronometragem.

"Nunca mais me inscrevo numa prova só de 5km"

Uma semana de promessas quebradas...

Cheguei na quinta-feira à Princesa do Sul. Na sexta fiz uma caminhada com meu amigo Nilton, que também veio estudar, e conhecemos um pouco da cidade. No sábado já sai pra correr, fazendo 6km.



O kit foi pego no sábado a tarde, depois do almoço. Camisa, vale suco, sacola e número de peito. O chip seria entregue momentos antes da largada, prevista para as 8h40 do domingo. Isso mesmo, meio-dia em Sobral. Mas aqui... Ah, aqui... Ventinho frio e o pessoal reclamando que tá quente. Destá...

Domingo cedinho lá fui eu, a pé mesmo, para a largada em frente a uma clínica de pilates, a Abrace.

Jarbas Costa, organizador da prova, falando sobre o percurso.

Prova fora do Ceará "nóis vai" como?

A largada atrasou e apenas as 9h saímos. Porém, eu já tinha feito um aquecimento de mais de 2km no entorno da concentração.


Percurso simples e plano. Esperava fazer tempo total abaixo de 30 minutos, mas, como as coisas foram se mostrando menos complicadas do que em terras sobralenses, deu pra fazer paces próximos de 5min/km. Algumas vezes até abaixo.



Ao final, menos de 5km. Pausei o GPS, peguei a medalha, recebi orientação do rapaz que entregava a medalha de que o número de peito deveria ser devolvido - devolvi - bebi água e voltei pra minha morada correndo, complentando os 5km em 24'50''. Isso dá um pace médio de 4'58'' min/km. Nunca tinha feito média tão rápida nos 5km. O clima de Sobral é tão castigador que mesmo largando mais de 9h, ainda é possível correr melhor do que lá. Né moleza não, viu!?



Sobre a prova, em si, foi bem legal. Como o próprio organizador falou, esta era apenas a segunda prova da Atletic Eventos Esportivos. Portanto, um desconto para alguns contratempos deve ser dado.

Se comparado às provas de Sobral, achei pouca gente. Parece que os sobralenses curtem mais corrida de rua que os pelotenses. Vi 4 tendas que julguei ser de assessorias, mas engraçado que era só a tenda mesmo. Nada de apoio aos corredores.

Pela localização da Clínica, houve trechos de calçamento (pedra). Também deve-se destacar que o percurso ficou devendo uns 500 metros, o que dá 10% da prova. É muito!

Com relação a hidratação, havia dois pontos. Ótimo para um percurso de 5km. Água geladinha, mas nada de água na mão. Não sei se é o costume/cultura do lugar ou a falta de experiência nesse tipo de evento.

Outra coisa que não vi no trajeto foram fotógrafos. Cadê o Amaral, gente!?

Na chegada frutas, bolos, biscoitos e água.

Me inscrevi pensando em me inteirar do movimento de corrida de rua na cidade, mas não houve muita conquista nesse sentido. Segunda-feira começam as aulas e vamos tentar adequar os horários para que eu consiga pelo menos seguir treinando.

Resumo da prova:

Kit: Camisa, vale-suco, chip, número de peito e sacola de plástico. Inscrição: 46 reais via pagseguro.
Balizamento: Guarda de trânsito e cones. Nos pontos de hidratação havia o pessoal do staff.
Ambulância: Presente.
Hidratação: Dois pontos para um trecho de 5km. Muito bom.
Lanche pós-prova: Banana, laranja, água, bolos e biscoitos.
Medalha: “Metal”. Dessas douradas pré-fabricadas que basta adesivar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

#42 – II Meia Maratona de Sobral

Metade do ano já se foi e só agora conquistei minha segunda medalha… E foi bem conquistada 😀 Parece que Sobral, definitivamente, tem um calendário de provas. Salvo engano esta foi a quarta prova em 2018 e confirmadas já estão pelo menos mais sete! A de ontem foi a nova queridinha dos corredores sobralenses: a Meia Maratona de Sobral – MMS, em sua segunda edição. Assim como em 2017 , ótimo custo benefício – inscrições entre 30 e 50 reais – e excelente premiação: mais de 36 mil reais. Prêmio em dinheiro, medalha e troféu para os três primeiros em cada distância (masculino e feminino), premiação por categoria, premiação especial para quem reside em Sobral, premiação para cadeirantes e paratletas. Tudo pago na hora. Chegou, ganhou. A divulgação começou um pouco mais cedo que em 2017 e me pareceu melhor: rádio, comercial naquelas TVs de shopping e supermercado, Facebook da prefeitura… No entanto, parece que os corredores demoraram um pouco para se empolgar com o evento. As inscriçõe

#58 – Corrida de 3 anos da Sprint Training

Hoje teve mais uma corridinha em Sobral. Em comemoração ao seu terceiro ano, a Sprint organizou uma corrida festiva nas distâncias de 3km, 5km e 10km. Inscrições custando 50 reais feitas diretamente com os professores da assessoria. Fiz a minha quase no final do prazo… Pensei no bolo de aniversário do ano passado, que tava muito gostoso, e resolvi ir. Kit retirado na noite da sexta-feira, oportunidade para conversar sobre os 100k completados na semana anterior pelo nosso treinador Celso Trindade. Também peguei os kits de duas vizinhas corredoras, Camilla e Lara. No dia seguinte, aproveitando que o sol está nascendo mais cedo nessa época do ano, saímos do nosso distrito às 4h30. Como sábado é dia de longão e a maior distância na corrida seria 10k, resolvemos ir já correndo, para totalizar algo entre 16k e 17k ao final. Abafado muito! Cesário (esq.), Alexandre e eu. Chegamos ao ponto de largada – Arco de Nossa Senhora – por volta das 5h20. Encontramos o povo da assesso

1ª Sprint Kids

Dentro do agitado calendário de corridas em Sobral e também em comemoração ao Dia da Criança, a assessoria Sprint Training organizou uma “corrida de pivetes”, a 1ª Sprint Kids. A divulgação se deu através de redes sociais e as inscrições custaram 30 reais, feitas diretamente com o prof. Wladir. Podiam participar atletinhas de 2 a 13 anos e, claro, os daqui de casa não iam ficar de fora… Na noite de sexta, dia 11 de outubro os kits foram entregues no point da Sprint no Centro de Convenções. Anderson e Wladir estavam lá e retirei sem problemas. No sábado o evento começaria às 6h30. Acordamos as 5h e as 6h10 estávamos na ótima pista de atletismo da Vila Olímpica de Sobral, onde o papai treina algumas vezes. Aliás, a Vila está com a reforma da piscina em andamento e a construção de uma quadra. Céu limpo. Sem uma nuvem sequer. A organização fazia os últimos ajustes na decoração do ambiente. O pessoal dos pula-pulas demorou a chegar – o que acabou atrasando o início do evento – e