Pular para o conteúdo principal

#58 – Corrida de 3 anos da Sprint Training

Hoje teve mais uma corridinha em Sobral. Em comemoração ao seu terceiro ano, a Sprint organizou uma corrida festiva nas distâncias de 3km, 5km e 10km.

Inscrições custando 50 reais feitas diretamente com os professores da assessoria.

Fiz a minha quase no final do prazo… Pensei no bolo de aniversário do ano passado, que tava muito gostoso, e resolvi ir.



Kit retirado na noite da sexta-feira, oportunidade para conversar sobre os 100k completados na semana anterior pelo nosso treinador Celso Trindade. Também peguei os kits de duas vizinhas corredoras, Camilla e Lara.

No dia seguinte, aproveitando que o sol está nascendo mais cedo nessa época do ano, saímos do nosso distrito às 4h30. Como sábado é dia de longão e a maior distância na corrida seria 10k, resolvemos ir já correndo, para totalizar algo entre 16k e 17k ao final.

Abafado muito!
Cesário (esq.), Alexandre e eu.
Chegamos ao ponto de largada – Arco de Nossa Senhora – por volta das 5h20. Encontramos o povo da assessoria (muitos novatos, na verdade), fotos, alongamento (que não fiz), agradecimentos do prof. Celso e lá vamos nós, por volta de 5h35.

Trajeto: Saímos do Arco rumo ao centro passando pelo Teatro São João. Próximo à rodoviária entramos à esquerda até chegar às proximidades do ECOA. Depois Igreja da Sé, subindo pela Rua Oriano Mendes até chegar ao trilho, onde giramos à direita. Fomos até o posto Trevo para fazer o retorno e terminar a prova no Arco. O pessoal dos 3km fazia o retorno na ponte e o pessoal dos 5km na estação do VLT.

Detalhe: sai de casa sem água… Cheguei na concentração e tinha água separada para o pós-prova. Mesmo assim, pedi um copo e fui gentilmente atendido. Mas depois, só fui ver posto de hidratação após o retorno da galera dos 5 km. Tava com tanta sede que bebi a água toda de uma vez (uns 300ml, acho). Tanto que quando cheguei no segundo posto (no retorno dos 10km) nem aguentei tomar de novo. Também não lembrei de separar nenhuma suplementação. Nada. Nem gel, nem rapadura, nem passas… Vacilo… No retorno eu tava triste, já.



Ao terminar o percurso, meu GPS marcou 9.4km. Ai fui rodar outros 600m nas ruas secundárias próximas ao Arco para fechar os 17km de longão em 1h39min, com pace médio de 5’52”. Pude matar minha fome e falta de suplementação comendo um pedaço de bolo que tava uma delícia!!! Depois comi um pedaço de melancia, pois como diz o ditado, a última impressão é a que fica.
André Melo transportes.
Pra voltar pra casa, não dava pra continuar a corrida. Solzão abriu e a falta de intra-treino pesou. Por sorte nosso vizinho André Melo nos ofereceu gentilmente carona.

Próxima semana tem corrida de pivete. A 1ª Sprint Kids.

Resumo da prova:

Kit: Camisa, viseira, copo e pulseira de identificação. Inscrição: 50 reais.
Balizamento: Não tinha.
Ambulância: Presente.
Hidratação: Acho que poderia ter sido melhor. Nos treinos longões funciona melhor. Hoje não foi no padrão Sprint de eventos.
Lanche pós-prova: Banana, laranja, água, melancia e bolo delicioso.
Medalha: “Metal”. Muito bonita.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

#56 – III Meia Maratona de Sobral

Em comemoração aos 246 anos, a III Meia Maratona de Sobral (MMS). As provas em 2017 e 2018 foram muito boas, com a do ano passado tendo corrigido muitos problemas da de 2017. Porém, esse ano, acho que houve um passo para o lado. Houve alguns pontos diferentes, mas no geral acho que não podemos considerar como melhorias. Em termos de divulgação, fica difícil julgar se foi mesmo adequada pelo fato de que não dá pra esquecer dessa prova: meia maratona em Sobral, no aniversário de Sobral, eu tendo um filho que faz aniversário no mesmo dia que Sobral. Então, fico monitorando pelo site do evento, com os colegas de assessoria, etc. Mas houve divulgação pelo rádio e pelas redes sociais, principalmente com sorteios de cortesias. Foram vários! Aliás, falando em sorteio, nos anos anteriores fui contemplado com cortesia. Porém, como esses sorteios só acontecem bem perto da prova, não dá pra ficar esperando a sorte chegar. Me inscrevo e depois ganho… Mas, quando ganho, doo a cortesia. Esse

#42 – II Meia Maratona de Sobral

Metade do ano já se foi e só agora conquistei minha segunda medalha… E foi bem conquistada 😀 Parece que Sobral, definitivamente, tem um calendário de provas. Salvo engano esta foi a quarta prova em 2018 e confirmadas já estão pelo menos mais sete! A de ontem foi a nova queridinha dos corredores sobralenses: a Meia Maratona de Sobral – MMS, em sua segunda edição. Assim como em 2017 , ótimo custo benefício – inscrições entre 30 e 50 reais – e excelente premiação: mais de 36 mil reais. Prêmio em dinheiro, medalha e troféu para os três primeiros em cada distância (masculino e feminino), premiação por categoria, premiação especial para quem reside em Sobral, premiação para cadeirantes e paratletas. Tudo pago na hora. Chegou, ganhou. A divulgação começou um pouco mais cedo que em 2017 e me pareceu melhor: rádio, comercial naquelas TVs de shopping e supermercado, Facebook da prefeitura… No entanto, parece que os corredores demoraram um pouco para se empolgar com o evento. As inscriçõe