Pular para o conteúdo principal

Maratoninha SESC-Sobral, 2017

Dois domingos seguidos com corrida para crianças!? Acho que nem em Fortaleza isso acontece. Mas aqui é Sobral!

Pela terceira vez o JC participou da Maratoninha SESC, que este ano teve novidades. A começar pela inscrição que dessa vez foi feita mediante a doação de um brinquedo. Apenas isso. Nada de taxa de inscrição.

O horário também mudou. Em vez de sábado a tarde, passou para domingo de manhã, com largada prevista para as 7h.


Chegamos ao SESC-Junco por volta de 6h30. Na rua onde sempre era realizada a corrida, vazio e silêncio. Ao chegarmos no portal que dá acesso ao clube, o vigilante nos orientou a procurar a outra entrada. Desta vez a prova seria dentro. Creio que seja um estacionamento interno.



Os últimos ajustes estavam sendo feitos e a confirmação das inscrições também. As crianças recebiam número de peito e camisa. Na verdade a camisa deveria ter sido entregue antes, mas no dia da inscrição não houve este comunicado nem recebemos ligação a respeito. Mas tudo foi resolvido ali mesmo. Sem problemas.



Para iniciar a manhã, o Palhaço Pivete comandou um “esquecimento” com as crianças. Depois, começaram as largadas de acordo com a faixa etária.



As crianças foram divididas em 4 categorias: 3 e 4 anos, 5 e 6 anos, 7 e 8 anos e 9 e 10 anos. Todas elas subdivididas em baterias. Meninas primeiro, depois os meninos. Na categoria 7 e 8 anos foram necessárias 3 baterias para os marmanjos. É praticamente como na categoria 30-39 dos adultos.



JC mandou muito bem. Deu pra notar que de um ano para o outro ele passou a encarar diferente esse negócio. Antes ele achava animado correr no meio da galera. Ia rindo do começo ao fim do percurso. Hoje, ele fecha a cara e arrocha o nó. Foi segundo na bateria dele.






JC correndo e eu registrando 🙂

Aliás, todas as baterias transcorreram muito bem. Uma queda aqui, outra ali, mas muita disposição dos pequenos. Impressionante o espírito de competição de alguns miúdos.



Ao final, fruta (banana ou tangerina), água, medalha e guloseimas – um pequeno balde com pipoca de isopor, doces, pirulitos, etc – que, na minha opinião, nunca deveria ser dadas à crianças. Seria melhor uma cortesia no Clube do SESC, que estava voltando a funcionar.



Mais uma vez a Maratoninha foi ótima. Eu particularmente gostei da mudança do horário, mas acho que muitos outros pais, não. Tive a impressão de ter menos crianças participando este ano. Alguns pais podem alegar que é ruim acordar cedo no domingo, único dia em que se pode acordar mais tarde… Mas, gente, a Maratoninha é uma vez no ano! Acho que vale o esforço 😉

A mudança de local também ajudou bastante para a organização, creio eu. A disposição dos setores (pista, área de credenciamento, área de concentração) também foi muito boa, pois permitia a circulação tranquila de pais e crianças. Muito mais difícil de um pai ou uma mãe perder seu abençoado.

Devido ao acontecido no último domingo, fiquei com receio com relação à apoio médico. Hoje tivemos ambulância da Unimed. Chegou atrasada, mas chegou. Aliás, pelo menos nas edições em que fomos, sempre houve ambulância na Maratoninha.



Parabéns à toda equipe do SESC (Terezinha, Fábio, Kaline, William e os demais cujos nomes não sei) pela promoção deste evento. Tem gente que acha que não vale nada, mas é uma sementinha que vai sendo plantada nesses pequenos. Obviamente nem todos vão virar árvores frondosas do mundo das corridas, mas se os pais também fizerem a sua parte, terão boa sombra desses filhos. Vida longa à Maratoninha!

Resumo da prova:

Kit: Camisa + número de peito mediante doação de um brinquedo.
Balizamento: Ok, na medida.
Ambulância: Atrasou um pouco mas chegou.
Hidratação: Ok, na medida.
Lanche pós-prova: Bom. O JC adora fruta. Então em vez de tangerina ou banana, quem sabe não seria possível permitir ambas?
Medalha: “Metal”. Simpática.
Premiação: Não houve, felizmente 🙂
Brindes: Houve um pequeno balde com muitas guloseimas (doces, pipoca, etc). Eu, particularmente, acho que isso não deveria ser distribuído à crianças. Em hipótese alguma. Que tal uma cortesia no Clube SESC?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

#42 – II Meia Maratona de Sobral

Metade do ano já se foi e só agora conquistei minha segunda medalha… E foi bem conquistada 😀 Parece que Sobral, definitivamente, tem um calendário de provas. Salvo engano esta foi a quarta prova em 2018 e confirmadas já estão pelo menos mais sete! A de ontem foi a nova queridinha dos corredores sobralenses: a Meia Maratona de Sobral – MMS, em sua segunda edição. Assim como em 2017 , ótimo custo benefício – inscrições entre 30 e 50 reais – e excelente premiação: mais de 36 mil reais. Prêmio em dinheiro, medalha e troféu para os três primeiros em cada distância (masculino e feminino), premiação por categoria, premiação especial para quem reside em Sobral, premiação para cadeirantes e paratletas. Tudo pago na hora. Chegou, ganhou. A divulgação começou um pouco mais cedo que em 2017 e me pareceu melhor: rádio, comercial naquelas TVs de shopping e supermercado, Facebook da prefeitura… No entanto, parece que os corredores demoraram um pouco para se empolgar com o evento. As inscriçõe

#58 – Corrida de 3 anos da Sprint Training

Hoje teve mais uma corridinha em Sobral. Em comemoração ao seu terceiro ano, a Sprint organizou uma corrida festiva nas distâncias de 3km, 5km e 10km. Inscrições custando 50 reais feitas diretamente com os professores da assessoria. Fiz a minha quase no final do prazo… Pensei no bolo de aniversário do ano passado, que tava muito gostoso, e resolvi ir. Kit retirado na noite da sexta-feira, oportunidade para conversar sobre os 100k completados na semana anterior pelo nosso treinador Celso Trindade. Também peguei os kits de duas vizinhas corredoras, Camilla e Lara. No dia seguinte, aproveitando que o sol está nascendo mais cedo nessa época do ano, saímos do nosso distrito às 4h30. Como sábado é dia de longão e a maior distância na corrida seria 10k, resolvemos ir já correndo, para totalizar algo entre 16k e 17k ao final. Abafado muito! Cesário (esq.), Alexandre e eu. Chegamos ao ponto de largada – Arco de Nossa Senhora – por volta das 5h20. Encontramos o povo da assesso

1ª Sprint Kids

Dentro do agitado calendário de corridas em Sobral e também em comemoração ao Dia da Criança, a assessoria Sprint Training organizou uma “corrida de pivetes”, a 1ª Sprint Kids. A divulgação se deu através de redes sociais e as inscrições custaram 30 reais, feitas diretamente com o prof. Wladir. Podiam participar atletinhas de 2 a 13 anos e, claro, os daqui de casa não iam ficar de fora… Na noite de sexta, dia 11 de outubro os kits foram entregues no point da Sprint no Centro de Convenções. Anderson e Wladir estavam lá e retirei sem problemas. No sábado o evento começaria às 6h30. Acordamos as 5h e as 6h10 estávamos na ótima pista de atletismo da Vila Olímpica de Sobral, onde o papai treina algumas vezes. Aliás, a Vila está com a reforma da piscina em andamento e a construção de uma quadra. Céu limpo. Sem uma nuvem sequer. A organização fazia os últimos ajustes na decoração do ambiente. O pessoal dos pula-pulas demorou a chegar – o que acabou atrasando o início do evento – e